SÁBADO, 26 NOVEMBRO

Mesa Redonda – Anemia na Mulher – O Desafio da Gravidez

Anemia no Parto

12:30 – 13:00

Moderadores

João Mairos e Aurora Belo

Palestrante

Luisa Martins

A Anemia é uma das complicações mais frequentes na gravidez, sendo a carência  de ferro responsável em cerca de 75-95% dos casos. A Anemia no final da gestação contribui para um aumento da morbilidade materna e fetal na altura do parto. A Anemia no parto está diretamente relacionada com a hemorragia no parto e no pós parto imediato. Neste trabalho é feita uma revisão das causas de hemorragia no parto e pós parto, atitudes preventivas e terapêuticas. Faz-se uma abordagem das diferentes terapêuticas (médicas e cirúrgicas) para controlo da hemorragia. Muitas destas situações são emergências médicas, requerendo equipas multi-disciplinares bem treinadas. A anemia no pós parto é na maioria dos casos consequência da hemorragia inerente ao parto. O ferro é a terapêutica de eleição. É feita uma revisão das várias formas de terapêuticas de acordo com a situação clínica (ferro oral, ferro endovenoso). A transfusão de concentrado de eritrocitos é também uma opção terapêuticas mas deve ser reservado para situações específicas com instabilidade hemodinâmica.

X